Zezinho do Bugio destaca projeto do Joel Nascimento

Por Anna Paula Aquino

Publicado em 01/11/2018 as 17:07
Foto: César de Oliveira

O vereador Zezinho do Bugio destacou o projeto do Loteamento Joel Nascimento durante o Grande Expediente da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) desta quinta-feira, 1º. Ele aproveitou para falar sobre outros temas também e contar que está cobrando medidas para a melhoria da segurança no Parque da Cidade.

O Joel Nascimento está entre as pautas do parlamentar desde o seu primeiro dia de trabalho na câmara e segue em andamento. O projeto foi aprovado pela Caixa Econômica Federal e já está finalizado na Empresa Municipal de Obras Urbanas (Emurb), porém agora um impasse na justiça pode atrasar as mudanças.

Preocupado, Zezinho apresentou as imagens do projeto e comentou que está conferindo pessoalmente cada detalhe. “É uma promessa de campanha e um sonho não só como vereador, mas morador da região. Só vamos esperar os trâmites judiciais para o início das obras”, declarou.

Ele pediu ainda a compreensão dos colegas com essa causa. “A população pode ficar tranquila, eu tenho certeza que no próximo ano vai começar essa obra. Peço inclusive, o apoio dos vereadores para essa obra que vai melhorar a vida dos moradores daquela região”.

CIE

Zezinho visitou a obra do Centro de Iniciação Esportiva (CIE) que está sendo construído na Praça Vereador Osvaldo Mendonça, no Bugio, junto ao secretário Jorge Carvalho, da Secretaria Municipal da Juventude e o do Esporte (Sejesp) e mais membros da equipe técnica, nesta quarta-feira, 31. No seu pronunciamento, o vereador comentou a importância do local para toda comunidade. “A população vai aproveitar esse espaço para a prática esportiva, além do lazer. Essa obra vai mudar a história do nosso bairro”, disse.

Parque da Cidade

Ele aproveitou ainda para ressaltar o descaso do Parque da Cidade, na região do Bairro Industrial. Antes um ponto turístico e atualmente um local abandonado, além de escuro. Neste caso, ele citou o seu encontro com a cúpula da Secretaria de Segurança Pública (SSP/SE). “O parque recebia tanta gente nos feriados e finais de semana, mas o movimento mudou agora. Sou frequentador do lugar para práticas esportivas e sei como mudou tudo por lá. Por isso, pedi pessoalmente providências não só da SSP, mas dos outros órgãos para que reformem os campos e criem atividades sócio-esportivas”, relatou.

Por fim, Zezinho mostrou imagens que retratam a realidade do parque e salientou que a iluminação também faria a diferença. “Aqui está o Recanto do Chorinho escuro, não só lá, mas outros pontos também precisam de manutenção dos postes. Indico aqui inclusive o Geolux que recebe através do Telegram a localização de lâmpadas quebradas e podem agilizar o reparo com as informações das pessoas que passam por diversos pontos da capital”.