Capacitações beneficiaram mais de 280 profissionais do turismo

Por Wellington Amarante

Publicado em 19/12/2017 as 23:06

Mais de 280 empreendedores e gestores de oito municípios foram beneficiados com capacitações nas áreas de gestão empresarial, turismo, marketing, língua estrangeira e informática. A ação faz parte das atividades desenvolvidas pelo Programa “Cursos de Aperfeiçoamento Gerencial de Empresários e Gestores ligados à Área de Turismo nos Municípios integrantes dos Polos Costa dos Coqueirais e Velho Chico” (Cagest – Prodetur/SE), fruto de uma parceria entre o Sebrae e a Secretaria de Estado do Turismo, com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

A entrega dos certificados foi realizada durante solenidade no Delmar Hotel. O Programa foi direcionado aos empreendedores e gerentes que trabalham com hospedagem, alimentos e bebidas, agências de viagem e locadoras de veículos, entretenimento e lazer, lojas e oficinas de artesanato, artesãos e futuros empresários das cidades de Aracaju, Barra dos Coqueiros, Pirambu, Estância, Itaporanga, Itabi, Nossa Senhora da Glória e Canindé.

“As capacitações são fundamentais para desenvolver e aperfeiçoar as competências desses profissionais, elevando a qualidade dos serviços que são oferecidos. Ao prepará-los estamos dando um passo importante para transformar o nosso estado em um destino turístico mais atrativo”, explica o superintendente do Sebrae em Sergipe, Emanoel Sobral.

Para realizar as capacitações o Governo do Estado investiu R$ 601 mil, recurso do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur/SE). O Sebrae foi contratado para executar as atividades após vencer o processo licitatório.

Conteúdos

Os cursos tiveram início no mês de fevereiro e se estenderam até novembro, com 260 horas de duração. As aulas sobre Gestão Empresarial abordaram assuntos como empreendedorismo, gestão financeira, planejamento estratégico e elaboração do Plano de Negócios.

Já as aulas de Turismo trouxeram à tona discussões sobre políticas públicas de turismo, noções de hospitalidade, chefia e liderança, além da elaboração de um diagnóstico turístico simplificado. Os conteúdos de Língua Estrangeira (inglês e espanhol) fizeram referência ao desenvolvimento das habilidades orais vivenciadas em hotéis, restaurantes e locadora de veículos.

Os conteúdos sobre marketing abordaram questões como preço, praça, produto e promoção, além da elaboração de um Plano de Marketing para cada empreendimento participante. Os empreendedores foram beneficiados ainda com noções de informática básica.

“ O turismo é o segundo maior gerador de empregos em nosso país e é preciso que se dê a essa atividade a importância que ela efetivamente tem. Ao capacitar essas pessoas estamos garantindo benefícios tanto para os visitantes, já que eles terão atendidos por profissionais mais capacitados, quanto para os empresários, que terão o conhecimento necessário para gerenciar melhor seu negócio e aproveitar as oportunidades que o mercado oferece”, destaca o secretário de Estado do Turismo, Fábio Henrique.