Verbo implicar

Por Luciana Tanuns

Publicado em 04/01/2018 as 17:17

Olá pessoal, tudo bem? Antes de tudo, eu desejo a todos os nossos internautas e clientes que acompanham o nosso Sergipe em Pauta, bem como a nossa equipe de produção do site, um ano de 2018 oportunidades para cada um de nós.

Que tenhamos no decorrer de todo este ano, notícias boas, energias vibrantes, muito conhecimento e entretenimento.

E para começar o ano bem, isso implica pensamentos e atitudes positivas!

Xiiiiii, E AGORA? IMPLICA ou IMPLICA EM?

O verbo IMPLICAR é um verbo de transitividade direta, ele não exige preposição.

Vejamos o exemplo abaixo:

O combate à corrupção implica em medidas éticas por parte dos governantes.

O verbo implicar na oração acima está empregado com o sentido de acarretar, resultar. Portanto, “o combate à corrupção implica (resulta, acarreta) medidas éticas” (...)

Implica, resulta, acarreta o quê? Medidas éticas (objeto direto), e de acordo com a norma culta da língua o verbo implicar é TRANSITIVO DIRETO. Então não deve ser introduzido por preposição “em” depois do verbo IMPLICA.

Existem outros sentidos para o verbo IMPLICAR, tais como: implicar-se – no sentido de envolver-se ou implicar no sentido de ter implicância com alguém, birra. Nesses casos os verbos serão introduzidos por preposição. Tudo vai depender do sentido, contexto.

Cuidado! Atentem-se pela regência do verbo. Estudo implica disciplina.

Paz e bem!