Sedetec engaja-se nas ações do Inova + Sergipe

Por Márcio Rocha

Publicado em 01/08/2018 as 14:41

Uma ação importante dá mais incentivo para o projeto Inova + Sergipe. Foi firmado o compromisso de atuação da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado de Sergipe (Sedetec), para facilitar a realização de ações do projeto, apresentado pelos representantes das entidades parceiras em sua idealização. O compromisso foi firmado entre os agentes participantes desta reunião, representados pela Fecomércio, FIES, Caju Valley, Unit, Fapitec, SergipeTec e empresários.

O coordenador do projeto, Roger Barros, apresentou o projeto para o secretário José Augusto Carvalho, e pediu seu apoio para as atividades do Inova + Sergipe. O secretário mostrou receptividade e discutiu com os participantes da reunião como atuar de forma incisiva, para que o projeto siga em frente ao longo dos próximos anos, contando com a participação do Estado como indutor para o em seu desenvolvimento.

“Trabalhar com a unidade dos agentes para fortalecer o setor de Tecnologia e Inovação é importante para Sergipe, pois o setor é o que mais cresce e pode promover uma grande geração de empregos para nosso povo. É importante que as empresas inovadoras consigam se desenvolver e aumentar nossa capacidade de oferta de vagas no mercado de trabalho”, destacou o secretário.

Após a apresentação, os representantes dos eixos de atuação do Inova + Sergipe discutiram como pode ser feita a captação de recursos para investimentos nas iniciativas de Startups sergipanas, por meio de desenvolvimento de planos de aquisição de recursos por meio dos editais disponíveis pela Finep (Financiadora de Estudos e Projetos). O secretário José Augusto sugeriu que uma comissão do Inova + Sergipe fosse à Finep, para entender melhor quais as demandas da instituição, para compreender a plenitude dos objetivos prioritários dos editais lançados. A visita será realizada ainda na primeira quinzena de agosto.

O Inova + Sergipe tem o objetivo de captar a monta de 3.2 milhões de reais, divididos em dois editais, sendo um edital de R$ 2 milhões que serão aportados em 10 projetos desenvolvidos pelos empreendedores sergipanos, com aporte médio de 200 mil reais cada um, com prazo de realização em 48 meses, e o segundo no valor de R$ 1.2 milhão, para desenvolvimento em 36 meses divididos para 30 projetos de Startups que serão aportados 40 mil reais em cada deles. O segundo edital terá a contrapartida do estado em 300 mil para viabilizar os investimentos via Finep. Os recursos, segundo o secretário José Augusto, podem ser disponibilizados, considerando que há um fundo estadual constitucional para o incentivo à ciência e tecnologia.

O representante da Fecomércio e coordenador do Inova + Sergipe, Roger Barros, destacou que Sergipe está entre os estados com maior potencial para o desenvolvimento de ferramentas inovadoras, relacionadas à tecnologia e que pode se tornar uma referência nacional na área de inovação.

“O ecossistema do setor de Tecnologia e Inovação em Sergipe apresenta muita maturidade e aponta projetos com grande potencial de desenvolvimento, além de ótimos exemplos de sucesso. O setor de TI pode se tornar a maior fonte de receita do estado, pois as possibilidades de expansão são ilimitadas. Estamos no momento de ampliar a atuação da atividade, para adquirir mais investimentos em pesquisa e desenvolvimento no estado. O setor de inovação é o caminho para gerar milhares de novas oportunidades de trabalho e renda para nossa população”, destacou Barros.

Rodrigo Rocha, representante da Federação das Indústrias, valorizou os trabalhos do Inova + Sergipe e destacou que o projeto já é uma realidade no estado. “O projeto já está acontecendo e sabemos que a Sedetec é um ator fundamental para a captação de recursos para sua realização, pois aliada aos trabalhos realizados para aceleração de Startups, pode elevar em qualidade o quem sendo desenvolvido”.

O secretário José Augusto Carvalho, ressaltou que vai trabalhar para a garantia dos recursos de aporte por parte do estado, trabalhando para a inserção da contrapartida do Governo de Sergipe no orçamento para o ano de 2019, para que o Inova + Sergipe seja uma realidade com todo o apoio governamental. Roger Barros manifestou sua satisfação com a receptividade ao Inova + Sergipe.