Pitota e o Club Sportivo Sergipe.

Por Carlos Batalha

Publicado em 02/03/2017 as 10:01

  Certa feita viajei para o Mato Grosso acompanhando a delegação do Club Sportivo Sergipe. O avião que conduzia a delegação fez conexão em Brasília com troca de aeronave inclusive com retirada de bagagens. Quando de repente as bagagens passaram pela esteira rolante (aqui não existia ainda) o então presidente do Mais Querido, Aerton Silva tirou uma brincadeira e gritou para o roupeiro Pitota que era uma bola de gordo. "Chega Pitota que o material está indo de volta para Aracaju". Foi o bastante para o gordo se jogar na esteira e ao tentar segurar o saco de material apenas conseguiu segurar o cordão que o fechava. O que aconteceu? O saco abriu e seguiu, Pitota ficou entalado na esteira e na volta lá vinha o material todo espalhado. Calção, meião, cueca as pomadas espalhadas, esparadrapos etc. Imaginem a cena no aeroporto da capital federal.